Área do Integrador

Automação Residencial: o que é e como funciona?

Você certamente já deve ter ouvido falar em automação residencial, certo? Isso porque este assunto tem sido cada vez mais falado, diante do crescimento do mercado que oferece soluções na área.

Mas, afinal, o que é automação residencial?

Imagine que você tenha acabado de chegar no trabalho e lembrou que esqueceu a luz do quarto acesa. Uma situação bastante comum, mas que poderia custar caro. A automação, neste caso, permitiria a você apagá-la com um simples toque em seu smartphone, sem que você precisasse voltar para casa para fazer isso.

Nesse sentido, um conceito simples e completo foi dado por Carlos Alberto Mariotoni:

“A automação residencial consiste no uso simultâneo da eletrônica, eletricidade e dos sistemas de informação no ambiente domiciliar, permitindo realizar sua gestão, local ou remota, e ofertar uma série de aplicações nas áreas de segurança, conforto, comunicação e gestão de energia.”

Dessa forma, é possível automatizar certos comportamentos que, a princípio, dependeriam exclusivamente de ações realizadas pelos moradores, o que propicia, portanto, maior conforto, otimização do tempo e praticidade.

Internet das Coisas e Smart Cities

Existem alguns conceitos relacionados ao contexto de automação, como o de Internet das Coisas e Smart Cities. O primeiro deles refere-se a uma integração entre objetos físicos e virtuais, cada qual desempenhando um papel independente na geração de dados que serão integrados para construção de um sistema inteligente de processos, tais como a automação residencial. O segundo, por sua vez, tem a ver com a automatização de mecanismos de controle relacionados, por exemplo, ao tráfego urbano, sendo que as residências dotadas de automação – smart houses– também fazem parte desse cenário.

Confira mais em nosso artigo “o que é internet das coisas e por que você deveria apostar nela agora”.

automação-residencial-smart-home

 

Como muitos sabem, o principal desdobramento das soluções de automação é permitir a integração de sistemas de iluminação, áudio e vídeo, persianas, ar-condicionado, câmeras e monitoramento de portas e janelas.

Sendo assim, quais os principais benefícios gerados pela automação?

1.    Conforto: o controle da sua casa na palma da mão

A automação fornece o controle de diversas funcionalidades da residência em um só dispositivo, seja smartphone, tablet ou periféricos. Assim, é possível realizar a configuração de cenas e de efeitos luminotécnicos, visualizar o status de cada equipamento em tempo real e acessá-lo remotamente. A solução oferece, ainda, a possibilidade de agendamento de eventos, comando de voz e interação com o morador.

A automação, portanto, faz com que você não precise se preocupar em realizar algumas tarefas corriqueiras de forma manual, bastando a configuração dos equipamentos de acordo com as suas preferências e necessidades.

2.     Sustentabilidade: economia e preservação  

Muitos pensam que a automação não possui relação alguma com sustentabilidade. No entanto, não é verdade. Um dos principais desdobramentos dos equipamentos de controle de áudio e vídeo e iluminação é evitar o desperdício de energia. O acionamento automático permite o agendamento de eventos para desligar equipamentos quando estes não estiverem sendo utilizados, por exemplo. Além disso, ressalta-se o fato de que a dimerização, ou seja, o controle da intensidade da iluminação, aumenta a vida útil das lâmpadas.

A sustentabilidade, portanto, está atrelada ao escopo da automação residencial, de modo que a economia de energia gerada contribui não só para a redução de gastos, como também para o meio ambiente.

3.    Segurança: monitoramento em tempo real

A utilização de sistemas de automação residencial para segurança oferece tecnologias que permitem aos moradores de casas inteligentes o monitoramento em tempo real. Por meio dessas soluções, é possível obter controle de acesso, visualização de câmeras pelas interfaces de automação (tablets e smartphones), acionamento remoto em qualquer lugar do mundo pela internet, sensor de janelas e portas e simulação de presença.

É possível controlar remotamente, portanto, todos que entram e saem da residência, havendo avisos e alertas em caso de ocorrência de sinistro, gerando, assim, maior tranquilidade para os moradores.

Aproveite para ler o nosso artigo sobre métodos de automação residencial para segurança nas férias.

 

automação-residencial-smart-home-casas-inteligentes

 

Diante de tais benefícios, o principal desdobramento tem sido o crescimento constante do mercado de automação. Segundo a Aureside– Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial -,  a projeção de crescimento anual do mercado global de automação residencial entre 2014 e 2020 é de 11,36%.

Nesse contexto, cada vez mais pessoas estão adotando soluções de automação em suas residências ou até mesmo em seus locais de trabalho, o que pode ser confirmado pelos números acima, tendo em vista as facilidades oferecidas.

Mas, e na prática, como funciona a automação residencial?

Conforme abordado, a automaçãopermite integrar sistemas como o de iluminação, ar-condicionado, áudio e vídeo. Diante disso, há a criação de cenas, as quais se relacionam a uma integração de aparelhos configurados para que estes promovam o cenário almejado. Quando a configuração é realizada, aciona-se um comando e, então, os aparelhos se ajustam simultaneamente ao cenário em questão. Parece complexo, mas não é.

Em relação ao sistema de iluminação, por exemplo, podem ser utilizados sensores de acionamento automático, de modo que a luz acende quando o sensor reconhece a presença de alguém e se apaga na ausência dela.  Ainda, é comum haver a utilização de dimmers, ou seja, controladores que facilitam a definição da intensidade da luz, de acordo com a necessidade do morador. Ressalta-se que esse controle pode ser realizado pelo próprio smartphone.

Saiba mais sobre como a dimerização de led pode tornar seus projetos mais eficientes.

 

automacao-residencial-design-de-interiores

 

O sistema de áudio e vídeo, por sua vez, permite, dentre outras possibilidades, a integração dos equipamentos de home theatere o ajuste em um único dispositivo, proporcionando maior conforto e praticidade para uma experiência otimizada.

Quer saber mais sobre o assunto? Descubra aqui como tornar seu projeto de home theater muito mais completo com sistemas de automação residencial.

Ainda, quanto ao sistema de climatização, há possibilidade de controle da temperatura pelo próprio smartphone e até mesmo programação do ar-condicionado para que este seja ligado ou desligado em determinado momento do dia.

Confira nosso artigo sobre automação de ar-condicionado.

Conforme exposto, portanto, o mercado de automação residencial tem se expandido cada vez mais, tendo em vista o aumento do número de pessoas que estão em busca de tecnologia que forneça maior integração entre os diversos aparelhos de uma residência, poupando tempo e esforço dos moradores.

Gostou do artigo? Assine a nossa newsletter, receba as novidades e fique por dentro de tudo sobre automação residencial!

Possui alguma dúvida ou sugestão? Entre em contato conosco pelo e-mail contato@neocontrol.com.br ou clicando aqui.

Empresa Beneficiada pela Lei de Informática nº 8248/91
Nossa Politica é : “Fornecer produtos que satisfaçam os requisitos dos clientes e do sistema de gestão da qualidade comprometidos com a sua melhoria contínua”.