Área do Integrador

Automação Residencial e Acessibilidade

Segundo o último censo demográfico do IBGE, 45 milhões de brasileiros sofrem de algum tipo de deficiência física. Infelizmente, é muito comum que essas pessoas enfrentem dificuldades em diversos ambientes não inclusivos e que não oferecem recursos necessários para que haja conforto e segurança.

A falta de acessibilidade, portanto, é uma realidade constante no Brasil, de modo que muitas pessoas sofrem com calçadas irregulares e locais de difícil acesso, por exemplo.

Por outro lado, para tornar a rotina dessas pessoas mais confortável e segura, a acessibilidade pode e deve existir dentro de casa, fazendo com que tarefas simples não se tornem obstáculos.

Nesse contexto, a automação residencial é uma tecnologia bastante favorável ao proporcionar acessibilidade e uma melhor qualidade de vida não só às pessoas com deficiência, mas também a idosos, os quais representam uma parcela significativa da população brasileira, somando mais de 21,872 milhões de pessoas, segundo dados do IBGE.

smart-home

Automação inclusiva: o que é?

 A automação inclusiva é uma tecnologia que visa otimizar e facilitar a realização de alguns comandos para usuários com necessidades especiais e idosos, visando gerar maior acessibilidade, segurança e conforto. Nesse sentido, listamos abaixo quatro exemplos para ilustrar como a tecnologia pode ser aplicada na prática. Continue lendo este artigo e descubra.

    1. Imagine os benefícios que a automação pode trazer para uma pessoa que possui mobilidade reduzida. Ela será capaz de abrir ou fechar cortinas, acender ou apagar as luzes, abrir portas, controlar a temperatura do ambiente e muito mais com apenas um toque em seu smartphone, sem precisar se locomover para isso.

     

    1. Agora, imagine alguém que possua deficiência visual e tenha dificuldade para identificar as pessoas que chegam em sua residência. Com a tecnologia da automação, seria possível otimizar essa experiência e torna-la mais segura ao implementar, por exemplo, câmeras com áudio-descrição para que o usuário saiba tudo que está acontecendo.

     

    1. Pessoas idosas podem ser monitoradas com o auxílio de câmeras de segurança, podem ser lembradas do horário da medicação e até mesmo acionar um possível pedido de socorro de maneira automatizada.

     

    1. Existem, ainda, recursos de automação que permitem acionar os sistemas por meio da emissão de som. Sendo assim, um deficiente auditivo, por exemplo, pode ser alertado por meio de sinais luminosos sobre uma chamada telefônica ou sobre a chegada de alguém na residência.

     

    automação e acessibilidade

    Maior conforto e independência

     

    Ressalta-se que a utilização de automação, seja cabeada ou wireless, favorece a capacidade de controle sobre diversos equipamentos, o que contribui para que os usuários se tornem mais independentes e consigam realizar as atividades cotidianas com maior autonomia e conforto, sem depender de familiares ou da ajuda de terceiros.

    A automação residencial, portanto, oferece diversas soluções capazes de facilitar a vida dos usuários, tornando o ambiente acessível a todos que o frequentam. Sendo assim, essa tecnologia, principalmente diante do número de pessoas com alguma deficiência no Brasil, aliado ao crescente número de idosos e à necessidade de independência dessas pessoas, mostra-se uma excelente alternativa para uma melhor qualidade de vida.

    Gostou do artigo? Continue acompanhando o nosso blog!

    Para dúvidas ou sugestões, entre em contato conosco clicando aqui.

    Empresa Beneficiada pela Lei de Informática nº 8248/91
    Nossa Politica é : “Fornecer produtos que satisfaçam os requisitos dos clientes e do sistema de gestão da qualidade comprometidos com a sua melhoria contínua”.

    Já vai? Aproveite para baixar gratuitamente o nosso Guia Completo de Automação Residencial e Gestão de Vendas!

    Preencha e baixe agora mesmo.