Área do Integrador

Por que a automação corporativa é tão atrativa aos integradores?

Listamos por que o mercado de automação corporativa é altamente lucrativo para os novos integradores de sistemas.

A instalação de automação corporativa tem grande apelo aos profissionais que trabalham com soluções de smart home. Desde a entrada no setor aos integradores mais experientes, a automatização de escritórios são os projetos comercias mais requisitados pelos consumidores. Principalmente, por serem instalações com alto valor agregado aos clientes.

Diferente de soluções de instalação do usuário de automação residencial – chamadas do-it-yourself – este setor exige alta capacidade técnica, conhecimento de marcas e know-how profissional. Desta forma, é um mercado seguro para investimento de longo-prazo e bastante lucrativo para a especialização do serviço prestado.

Neste artigo, traremos ótimas razões para ficar de olho na automação corporativa

O que é automação corporativa?
Apesar de aplicações serem  de décadas atrás, a automação corporativa é um conceito recente

A automação corporativa é um conceito recente, mas as funcionalidades similares ao smart office iniciaram na década de 1970. A introdução dessa tecnologia em salas corporativas evolui conjuntamente a renovação do ambiente de trabalho a partir da arquitetura. Novos projetos, visando a produtividade e conforto conduziram a incorporação de soluções inteligentes para a automação predial e de escritórios.

A partir de 1950, o ambiente de escritórios clássico surgiu, devido à necessidade de reorganizar o trabalho e incorporação de novas tecnologias. Neste período, foram criados escritórios em ambientes amplos que incorporavam iluminação natural e externa. Todo o mobiliário, caracterizado pelas divisórias baixas – para supervisão do gestor –, carpetes e sistemas de climatização centralizado começou a ser usado.

As primeiras soluções de automação residencial ainda davam seus primeiros passos, com sistemas cabeados e protocolos de automação. Os primeiros sistemas, apesar de robustos pela estrutura em powerline, eram bastante básicas em suas funções. Sobretudo, priorizavam o controle de acionamento ou desligamento de iluminação, aquecimento e ar condicionado, os chamados sistemas de HVAC.

Entretanto, foi na década de 1990 a automação de sistemas em escritórios teve avanço significativo. Além de novas tecnologias, cresceu a preocupação sobre a qualidade de vida no trabalho. Muitas empresas promoviam a gestão do bem-estar para estímulo da motivação, desenvolvimento humano e redução da rotatividade nos escritórios.

Novos recursos foram integrados às salas corporativas, principalmente com o surgimento da automação wireless nos anos 2000. Hoje, com a preocupação com a preservação do meio-ambiente, o foco é a sustentabilidade. Com a evolução dos sistemas de controle e automação, a automação corporativa mostra total sinergia com a eficiência energética.

Automação corporativa em sintonia com sistemas wireless
Apesar de aplicações serem  de décadas atrás, a automação corporativa é um conceito recente

A opção por soluções wireless é o maior atrativo para empresas que requerem uma automação flexível em ambientes de sala. A central de automação plug n’ play permite o ajuste de cargas elétricas em equipamentos automatizados em seu raio. Embora o alcance seja variável com a sistema de automação corporativa, esta capacidade permite uma diversificação dos serviços do integrador.

Destacamos algumas áreas de atuação:

  • Coworkings
  • Auditórios e salões de até 150 m²
  • Escritórios com espaço compartilhados

Com descentralização do trabalho, espaços inovadores para o trabalho estão surgindo com propostas e prioridades especiais. Isto demanda que o integrador elabore projetos diferenciados e com um mapeamento eficiente do perfil de consumo energético do escritório. Sobretudo, por envolver ambientes climatizados cujo a variação do consumo sofrerá influência da temperatura externa durante todo o ano.

Por exemplo, no caso dos coworkings – estabelecimentos com planos de aluguel temporário -, a prioridade de automação será muito diversificada. Muitos espaços funcionam como startups ou microempresas que possuem baixo orçamento e priorizam a redução de custos. Com a dimerização de iluminação e controle de ar-condicionado inteligente, é possível fornecer automação eficiente de baixo custo.

Auditórios, no entanto, possui um perfil de consumo energético muito mais intenso e demanda por com um baixo índice de cores e alta luminância. Soma-se a isso, a automação de áudio e vídeo deve contemplar projetores, processadores de som e caixas. Com a instalação de microcontroladores, o usuário pode preparar facilmente o ambiente para reuniões por meio do aplicativo da automação.

Para o integrador de sistemas, existe ainda a oportunidade de monetizar novas prestações de serviços para estes negócios. Por exemplo, o aluguel de equipamentos de automação para escritórios temporários a um custo mensal. Diversos órgãos públicos e privados, são públicos potenciais a serem atendidos, pois eliminam o custo da reforma para sistemas cabeados.

Áudio e vídeo para salas de reunião

A composição de salas de reunião demanda equipamentos de áudio e vídeo específicos para as atividades do espaço, como videoconferências. Além disso, devido ao grande número de eletroeletrônicos controláveis, é preciso que a automação corporativa racionalize os comandos por meio da aplicação de cenas.

Esqueça da necessidade de dezenas de controles remoto para uma mesma sala!

O sistema de automação e controle sem fio fornece diversas interfaces para controle de automação. O aplicativo mobile, usado para cenas pode ser complementado por interfaces de paredes com disparo de cenários, master on e off. Em automações híbridas ou que exigem mais endereçamentos, o processo pode ser feito por meio cadastro de códigos infravermelho (IR).

O integrador de automação corporativa também tem papel de cuidar da boa sonorização de ambientes, portanto deve estar devidamente alinhado ao arquiteto. A escolha de revestimento acústico precisa estar em consonância com a capacidade dos equipamentos. O mesmo é válido para projetistas elétricos e decoradores no subsistema de iluminação automatizada. A manutenção da integridade do projeto, evita alterações que prejudicam o funcionamento de conexão WiFi e entre central e aparelhos.

Fique atento ao funcionamento conjunto entre eletroeletrônicos para uma boa qualidade de imagem. Aparelhos Blu-ray, projetores e televisões precisam trabalhar com mesma cadeia de sinal (por exemplo, 4K). Auditórios em especial, também precisam de tratamento acústico que demandará estudos do arquiteto. Portanto, faça com que seu projeto priorize uma abordagem integrada.

Automação corporativa também é segurança!
Leitores biométricos são uma das opções oferecidas pela automação corporativa

Por que não integrar a segurança residencial da empresa com o sistema de automação corporativa? Existe uma série de equipamentos disponíveis que compensam o custo elevado com a contratação de segurança patrimonial em escritórios pequenos. Com a centralização de automação é possível notificar alterações em tempo real devido à associação de acelerômetros com pulso que disparam alertas para centrais de automação.

Falando exclusivamente de segurança, as soluções permitem a construção de um sistema completo de alerta sobre o risco de invasão.

  • Circuitos fechados de câmeras (CFTV) ou IP, com alta resolução de imagem;
  • Sirenes de alerta, para aviso ao sistema e autoridades;
  • Sensores de portas e janelas, com notificações real-time pelo aplicativo.

Funcionando em conjunto, os sistemas de automação permitem integração de equipamentos para controle de acesso. Leitores de biometria, portaria virtual e interfaces de acesso em garagem podem ser interligados, a exemplo da automação condominial. Outras aplicações como a simulação de presença, também pode ser habilitada a partir de ajuste de cenas.

O controle inteligente também favorece a manutenção da integridade do espaço físico da propriedade. Entre outras vantagens da automação corporativa está a integração com os subsistemas de incêndio e detectores de fumaça e gás. A partir do aplicativo, o usuário pode fazer o gerenciamento remoto do status destes equipamentos, certificando que estarão habilitados para atuar na hora certa.

Home Office: bastante similar a automação corporativa
A automação corporativa oferece recursos similares para integradores que querem apostar em home office

Não menos importante, tratamos agora do espaço de casa como escritório de trabalho. Como destacamos no artigo anterior sobre o mercado de automação residencial, estes escritórios têm fácil adaptação junto ao projeto da casa inteligente. As aplicações utilizadas são similares à automação corporativa, porém com mais flexibilidade para o conforto e decisões dos clientes.

Com a iluminação residencial automatizada por dimmers e ajuste de cenas, é possível pensar em composiçõe sustentáveis de design . A utilização de LEDs ajusta a potência de energia, alterna a luminância e cores do ambiente ao gosto do cliente. Com o benefício que estes painéis de diodos têm vida prolongada em relação aos demais tipos de lâmpadas.

A maior vantagem da automação, no entanto, está por conta de permitir a construção de projetos de baixo custo personalizado. Por exemplo, a climatização eficiente do ambiente feita módulos ligados à ar-condicionado e persianas para escritórios. A tecnologia, se adaptando de forma ubíqua ao cenário, facilita as escolhas estéticas e de equipamentos de arquitetos, decoradores e clientes.

Além da personalização feita em conjunto ao sistema de automação residencial, existe a opção de criar projetos para cômodos únicos. O aspecto mais importante, está sobretudo, na construção de uma infraestrutura de rede que suporte os eletroeletrônicos usados no escritório. Toda automação do escritório – conexão entre computadores, impressoras, scanners – além de streaming e comunicação que dependem de conectividade.

Por último, vale a pena prestar atenção em criar projetos de automação abertos tendo em vista à conectividade de objetos. A Internet das Coisas está em expansão e novos instrumentos de escritório ganharão maior capacidade de se conectar com as soluções de automação.

Conclusão

Neste artigo, destacamos como a automação corporativa está devidamente alinhada aos princípios de sustentabilidade do século XXI. Por um lado, as soluções para salas corporativas centralizam o controle humano sobre os subsistemas do espaço físico. Por outro, através de sensores e gerenciamento de dados, os sistemas inteligentes tomam decisões precisas sobre o ambiente no qual estão instalados.

Se você está começando, as expectativas são ainda mais positivas. A automação corporativa está se diversificando. Os novos modelos de negócios querem saber como reduzir seu consumo de energia, mas estão intensamente interessados em qualidade de vida. Como as soluções otimizam a influência de iluminação, climatização e luz externa, são ideais para o bem-estar no ambiente de trabalho.

O setor tem um longo caminho pela frente. Contudo, os integradores precisam buscar uma formação adequada à instalação, construção de redes e práticas de mapeamento energético. Quanto mais eficientes forem em sua tarefa de tornar uma empresa econômica em seu consumo, maior será seu reconhecimento perante o mercado.

Gostou desta postagem? Compartilhe em suas redes sociais e assine nosso newsletter para receber nossas postagens semanais!



Empresa Beneficiada pela Lei de Informática nº 8248/91
Nossa Politica é : “Fornecer produtos que satisfaçam os requisitos dos clientes e do sistema de gestão da qualidade comprometidos com a sua melhoria contínua”.

Já vai? Aproveite para baixar gratuitamente o nosso Guia Completo de Automação Residencial e Gestão de Vendas!

Preencha e baixe agora mesmo.