Área do Integrador

Prepare-se para o verão: chegou a hora da automação de ar-condicionado

As vendas em climatização estão em alta! Saiba como aproveitar este clima para lucrar com a automação de ar-condicionado.

A Hora da Automação de Ar-Condicionado

Esqueça suas férias: você vai trabalhar como nunca neste verão.

Bem, se você faz instalações de climatização, isto é quase uma realidade.

É durante o período do verão brasileiro que a maior quantidade de vendas de equipamentos de ar-condicionado acontece. Não importa se esteja em período de crise ou não: a expectativa é que o mercado brasileiro cresça ainda mais.

Hoje, a indústria brasileira fatura R$ 32 bilhões por ano, segundo a Associação Brasileira de Refrigeração, Ar-Condicionado, Ventilação e Aquecimento (ABRAVA).

Deste ponto de vista, é uma ótima oportunidade para explorar este mercado otimista, mas também, uma grande preocupação ambiental.

O consumo residencial está em níveis alarmantes para o sistema energético brasileiro. Os equipamentos de ar-condicionado, sobretudo pelo desperdício em casa e ineficiência, são um dos principais responsáveis por este cenário crítico.

E não pense que o consumidor está afastado deste debate. Cada dia mais, o usuário quer sistemas que não prejudiquem o meio-ambiente.

Sistemas eficientes são aqueles, que por serem sustentáveis, melhoram o consumo de imóveis, reduzindo o custo final da conta de luz.

Como fazer isso, de maneira segura, eficiente e lucrativa ao instalador?

A automação de ar-condicionado é nossa resposta para esta questão. A instalação de sistemas domóticos é uma maneira inovadora de economizar com climatização integrada aos sistemas de casa.

Então, você está preparado para este cenário?

Nesta postagem, mostraremos porque este mercado pode ser interessante para instaladores de ar-condicionado e profissionais de iluminação e áudio e vídeo.

Quais tipos de ar-condicionado são apropriados a automação?
Escolha sua automação de ar-condicionado: split, multi split ou janela

Provavelmente se você já possui uma empresa de ar condicionado, já conhece maioria destas opções de equipamentos.

Porém, vamos observar alguns detalhes antes de partirmos para a automação de ar-condicionado em si.

Para espaços residenciais e corporativos, são quatro tipos principais de ar-condicionado utilizados.

  • Split
  • Multi split
  • Split Inverter
  • Janela

Os ar-condicionado split são os mais utilizados no Brasil por conta da qualidade de resfriamento. Suas características principais são ter a unidade condensadora separada da unidade evaporadora do equipamento, o que deriva sua “divisão” (split).

Os equipamentos funcionam de maneira similar, pelo tradicional ciclo de refrigeração. No lado externo do ambiente, fica o compressor e a unidade condensadora – que transformam o líquido refrigerante em gás frio – que circula por dutos até o interior da casa.

No espaço interno, existe uma unidade evaporadora que faz o processo reverso, resfriando a umidade do ambiente. Tudo sem ruído algum ou necessidade de fachadas!

O multi split faz processo similar, porém contém múltiplos evaporadores distribuídos por ambientes maiores.

Outro tipo de ar-condicionado split ecológico é o Inverter. Seu funcionamento diminui a velocidade do compressor, retirando a necessidade de retirar calor do ambiente. Apesar de ter instalação mais cara, economiza até 60% de energia em relação aos demais.

Hoje a climatização split é o modelo mais instalado, presente em 72% das residências com ar-condicionado no Brasil.

Com instalação mais econômica, os ar-condicionado de janela tem todos estes sistemas compactos dentro de um mesmo equipamento. Contudo, sua instalação prescinde de fachadas ou suporte externo, fixado à estrutura externa do edifício.

Todos estes aparelhos são integrados às soluções de automação residencial, mas seu desempenho técnico também está relacionado a sua atualização.

Portanto, antes de adquiri-los, é importante observar a capacidade de BTUs – British Termal Unit – de equipamentos e a presença de selos de garantia, como o PROCEL.

Além do timer: explorando todos os comandos da automação
O uso de split inverter e automação de ar-condicionado reduz o consumo em mais de 60%

Hoje, a automação de ar-condicionado é um poderoso recurso para reduzir o desperdício provocado por maus hábitos do usuário.

Uma vez integrados à casa inteligente, não será necessário a dependência de controles remotos para comandar os aparelhos de climatização.

Nem mesmo, a presença em tempo real para ativar equipamentos: tudo pode ser feito de forma prática, direto de um smartphone.

Como tornar isto possível?

Os sistemas de automação de ar-condicionado trabalham com os mesmos recursos fornecidos para todo ambiente inteligente: basicamente sensores e atuadores de cenas.

Mais especificamente, no caso destes aparelhos, por meio de dispositivos de automação que atuam como módulos emissores de infravermelho (IR). Ligados a fiação elétrica dos evaporadores, estes habilitam os comandos diretos do usuário por interfaces de automação.

Ao cargo do integrador, será necessário construir uma rede de periféricos que contemple as rotinas dos usuários de um ambiente. Este trabalho, inclui o mapeamento dos pontos de desperdício, fatores de climatização – luz solar e materiais, por exemplo – e a instalação, propriamente dita.

Todo este processo, enfim, possibilitará o comando remoto da automação, através das cenas.

Estas configurações são feitas diretamente no aplicativo e disponíveis para ação individual ou conjunta sobre os ar-condicionado inteligentes. Basta que o usuário instale em seu celular e acesse a Internet para comandar sua automação, não importa onde esteja.

Configurar cenas de automação permite diversas possibilidades para controlar ar-condicionado.

  • Desligamento total de aparelhos (master off);
  • Agendamento de funcionamento em horários específicos;
  • Gerenciamento do status dos dispositivos.

Estas funcionalidades facilitam com que o consumidor administre sua automação de forma dinâmica.

Além disso, a automação de ambientes oferece recursos extras ao profissional.

Caso precise criar sistemas ainda mais customizados, é possível construir toda a interação do aplicativo por softwares de automação.

Tudo dependerá da capacidade da solução escolhida e sua capacidade de diferenciação.

Diferenciação: vencendo a concorrência com novos serviços
Vá além da automação de ar-condicionado com projetos inteligentes integrados

Embora a compra de aparelhos seja crescente, o mercado de climatização continua extremamente disputado.

São milhares de empresas de ar-condicionado com capacidade para alta instalação, atendendo as diversas marcas de aparelhos. Não menos importante, temos os técnicos autônomos, que atuam na instalação de sistemas de refrigeração, calefação e condensação.

Estes profissionais possuem qualificação para a manutenção, limpeza e troca de gás refrigerante. Outros vão além, com especializações em dimensionamento de ar-condicionado e suporte para arquitetos e engenheiros.

No entanto, existem muitos instaladores que não tem qualificação técnica para atuação no mercado.

Muitos deles não são técnicos em Refrigeração e Climatização, formados em cursos profissionalizantes de associações e escolas técnicas.

Afinal, não existem restrições legais para atuação de profissionais não qualificados.

Porém isto se tornou um grave problema no setor de refrigeração e ar-condicionado.

Quantas vezes você já se deparou com serviços inadequados que prejudicam seu trabalho de instalação?

E o pior é que muitos profissionais – literalmente -, pagam o preço por projetos feitos a custos baixos, que reduzem todo o valor do mercado.

Soma-se a isso a possível desconfiança do cliente, que pode abandonar os serviços por conta de uma má experiência com instalações ruins.

Para enfrentar este desafio, propomos que torne sua profissão ainda mais qualificada e expansiva com a automação de ar-condicionado.

Com o uso da integração, o serviço torna-se um produto qualificado, imbatível para as grandes empresas e totalmente diversa dos concorrentes diretos.

Ao se tornar um integrador de sistemas, o instalador de ar-condicionado poderá oferecer diversos serviços que tornam ambientes mais sustentáveis e econômicos.

Para os iniciantes, existem opções acessíveis e pouco complexas como as soluções de automação sem fio, mas que trabalham todos os pilares de automação.

Faturando com projetos de automação de ar-condicionado corporativos
A automação de ar-condicionado pode ser altamente lucrativa

Os sistemas de automação de ar-condicionado devem ser explorados em espaços comerciais durante o verão, principalmente nos períodos de recesso.

Neste caso, a automação corporativa é o segmento com mais nichos para exploração com sistemas de ar-condicionado inteligentes.

Os escritórios utilizam ambientes que estão sempre em busca da redução de seus gastos elevados com iluminação e climatização. Além disso, são dezenas de atendimentos prestados anualmente, seja no reparo de aparelhos ou limpeza de telas de ar-condicionado.

Porque não aproveitar essas oportunidades para oferecer o gerenciamento inteligente da climatização?

Ao contrário dos serviços de automação residencial, os projetos corporativos são mais básicos, voltados para a eficiência do imóvel. Não apenas na questão energética, mas também na dinâmica, conforto e produtividade dos trabalhadores do ambiente automatizado.

Com um sistema robusto de rede é possível empregar toda a capacidade de automação, descentralizada e integrada às áreas externas e aparatos de segurança, irrigação e áudio.

Neste tipo de instalação, o integrador pode trabalhar em conjunto com arquitetos e projetistas elétricos, para adequação de cargas, canalização e dimensionamento de ar-condicionado.

Certamente um serviço de alto valor agregado, que requer planejamento e diversas reuniões para correta montagem da infraestrutura da obra.

No entanto, isto não quer dizer que um locatário não possa automatizar seu escritório!

Os sistemas de automação wireless fornecem capacidade tão grande quanto as soluções cabeadas, com necessidade mínima de alterações em infraestrutura.

Por serem totalmente plug and play, são de configuração prática e possuem escalabilidade necessária para controle de luz e ar-condicionado.

Por fim, é importante ficar de olho em espaços corporativos similares, como auditórios e salas de reuniões. Além da automação de ar-condicionado, é possível empregá-las em sistemas de áudio e vídeo, como multiroom e projetores de tela.

Conclusão
A automação de ar-condicionado split é controlado por emissores infravermelho

Ao longo desta postagem, destacamos os principais motivos que fazem da automação de ar-condicionado um segmento próspero para instaladores.

São diversos públicos que estão adquirindo instalando aparelhos para instalação caseira e corporativo, ambos com interesse em sistemas ecologicamente sustentáveis.

Não menos importante, querem sistemas fáceis de manipular, com todas as vantagens da tecnologia mobile oferece. Sem dúvidas, o ar-condicionado com controle tem um novo significado para as novas gerações de compradores.

Por outro lado, as empresas que trabalham com a automação residencial podem explorá-lo sem muito segredo. Apesar de aconselharmos que se preparem tecnicamente para instalações completas, é possível atuar em imóveis com climatização consolidada.

Nas próximas postagens, falaremos especialmente de como isto foi possível com emprego da tecnologia infravermelho.

Gostou destas dicas? Assine nosso newsletter e receba mais informações direto em seu e-mail.



Empresa Beneficiada pela Lei de Informática nº 8248/91
Nossa Politica é : “Fornecer produtos que satisfaçam os requisitos dos clientes e do sistema de gestão da qualidade comprometidos com a sua melhoria contínua”.

Já vai? Aproveite para baixar gratuitamente o nosso Guia Completo de Automação Residencial e Gestão de Vendas!

Preencha e baixe agora mesmo.